Tipos De Aço e Proteção Corrosiva em Estruturas Metálicas

Por Luís Ricardo Bianchi - 13-04-2022

O aço é um produto encontrado em diversos meios, desde peças residenciais até grandes obras da engenharia como pontes e ferrovias. Foi um dos produtos que maior contribuiu para o desenvolvimento da sociedade de modo geral, tanto no meio econômico quanto tecnológico.


De modo geral, os aços possuem excelentes propriedades mecânicas, sendo muito resistentes a tração, compressão e flexão. É um material que se adapta a diversos ambientes, sendo possível modificá-lo quimicamente e fisicamente.


Na sua utilização, deve ter-se um cuidado muito grande com relação a corrosão. Conforme o meio em que for aplicado, algumas partículas podem reagir com a superfície do material, fazendo com que o material perca suas propriedades mecânicas e a longo prazo comprometa a estrutura como um todo.


Em estruturas metálicas, aços com alta resistência e baixa liga são comumente utilizados, pois as suas propriedades são adequadas às necessidades gerais de uma estrutura metálica. Os aços também devem atender a algumas normas, tanto nacionais como internacionais, exemplo: NBR 5008, 5920, 5921, 7007, ASTM A242, A588, A709 e em alguns casos aços fabricados com a norma ASTM A36 podem ser empregados.


Para minimizar o problema da corrosão, pode-se adotar alguns procedimentos:

  • Revestimentos não metálicos inorgânicos: Anodização, cromatização e fosfatização;

  • Tintas e polímeros;

  • Revestimentos metálicos: Cladização, imersão a quente, metalização, eletrodisposição, cementação e outros.

Dentre os três principais grupos, pode-se referir ao grupo de revestimento metálico o mais comum de ser usado para proteções corrosivas. Dentro deste grupo, o processo de imersão a quente é o mais utilizado, o qual consiste em aplicar um tipo de revestimento sobre a superfície do aço. Estes revestimentos podem variar desde a aluminização, estanhagem, galvanização e zincagem, sendo que a galvanização é o método mais comum de ser aplicado, pois confere ao material o revestimento necessário contra a corrosão, aumentando a sua vida útil.


Diante do que foi apresentado, observa-se que os aços utilizados em estruturas metálicas, de modo geral, são conduzidos por normativas nacionais e internacionais. Alguns, desde sua fabricação são pensados para que suas propriedades mecânicas e químicas estejam de acordo com as necessidades do mercado. Porém, a utilização de aços que não possuem propriedades que evitem a corrosão e serão usados em ambientes ao qual estarão expostos a este tipo de intempere, deve-se obrigatoriamente empregar algum método de proteção contra corrosão.


REFERÊNCIAS

http://www.crea-sc.org.br/portal/arquivosSGC/a%C3%A7os%20carbono%20constru%C3%A7%C3%A3o%20civil.pdf

http://redeetec.mec.gov.br/images/stories/pdf/eixo_ctrl_proc_indust/tec_metal/corr_trat_superf/161012_corr_trat_superf.pdf

http://www.metalplanestruturas.com.br/processos/fabricacao/tratamento-de-superficies

https://blog.belgobekaert.com.br/agro/galvanizacao-a-fogo/


Por Luís Ricardo Bianchi

Metalzan Indústria Metalúrgica

(54) 99968-8197

(54) 3344-2554

Ativo 4.png
Ativo 5.png

Rua Vergelino Eron Borges, 80 - Distrito Industrial Saída p/ Charrua - Tapejara - RS

(54) 3344-2554

(54) 99617-3884

©2021 por Metalzan Indústria Metalurgica  - CNPJ  22.126.662/0001-45